29.1 C
Natal
domingo, fevereiro 25, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioEsportesJá classificado, Brasil perde para Venezuela, que avança no Pré-Olímpico

Já classificado, Brasil perde para Venezuela, que avança no Pré-Olímpico

A anfitriã Venezuela, com dois gols do meia Telasco Segovia, venceu o Brasil por 3 a 1 nesta quinta-feira (1º) e completou o quarteto de classificados para a fase final do Pré-Olímpico Sul-Americano rumo a Paris-2024.

Brasil e Venezuela, pelo Grupo A, e Argentina e Paraguai, pelo Grupo B, avançam neste torneio Sub-23, que dará duas vagas nos próximos Jogos Olímpicos num quadrangular que começa na segunda-feira.

No estádio Brígido Iriarte, em Caracas, Segovia e David Martínez, dois dos jovens mais promissores do futebol venezuelano, levaram a ‘Vinotinto’ a uma vitória que era obrigatória para se classificar.

Segovia marcou para a equipe comandada pelo técnico argentino Ricardo Valiño aos 10 e 31 minutos.

A vitória local foi completada com um gol contra de Rikelme no início do segundo tempo (55′). Alexsander, que deixou o banco de reservas, descontou para a seleção brasileira nos últimos instantes (89′).

O técnico do Brasil Ramon Menezes, que poupou jogadores importantes como Endrick, John Kennedy e Andrey, fechou o grupo com nove pontos, seguido pela Venezuela com oito.

O Equador ficou com sete, a Bolívia com quatro e a Colômbia encerrou sua participação sem poder conseguir pontuar.

O primeiro gol do Segovia veio em uma triangulação com Martínez – anunciado como novo jogador do Los Angeles FC na MLS pouco antes do apito inicial – na entrada da área, finalizado com categoria.

O segundo gol foi uma bomba de média distância, indefensável. Não foi por acaso o que o placar refletiu, com a Venezuela partindo para o ataque contra uma seleção brasileira que se mostrou surpreso.

Jovanny Bolívar e David Martínez tiveram novas oportunidades de aumentar antes do final do primeiro tempo.

Ferido em seu orgulho, o Brasil apostou em Endrick no início da segunda etapa. A presença do futuro atacante do Real Madrid não alterou o destino do duelo, que foi decidido com um gol contra de Rikelme quando tentava afastar um cruzamento de Matías Lacava.

Alexsander apareceu no final para marcar um belo gol, após uma jogada coletiva. Mas a reação veio tarde demais.

No outro jogo, um duelo de eliminados, a Bolívia derrotou a Colômbia por 2 a 0. José Briceño marcou os gols no primeiro tempo, aos 9 e 29 minutos.

AFP

POSTAGENS RELACIONADAS

Deixe uma resposta

- Advertisment -spot_img

Mais popular

Descubra mais sobre Portal RN Diário

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading